Schnitzel – Bife à milanesa alemão

em

130510_0
Crocante e suculento, o Schnitzel é um dos pratos mais famosos do sul da Alemanha e da Áustria. Parecido com o bife à milanesa brasileiro, ele também leva uma camada crocante de farinha e ovo.

Curiosamente a origem deste prato se encontra na Grécia, tendo sido levado para a Península Ibérica por comercientes árabes durante a Idade Média e posteriormente para a Itália, chegando na Austria em 1857. O Wiener Schnitzel – primeira variação do prato feito com carne de vitela – se tornou desde então a identidade gastronômica da Áustria. Esse prato tem como acompanhamento salada de batatas, rodelas de limão e um tipo de geléia de groselha.

A versão alemã é feita com filé de porco e leva como acompanhamento salada, batas fritas, salada de batatas alemã ou o Bratkartoffeln, receita já preparada pelo Farofa. Uma outra versão do Schnitzel é feita com peito de peru, mais saudável que a versão suína, porém não tão suculenta.

Schnitzel

Dificuldade: Medio
Rendimento: 2 a 3 porções
Preparo: 10 minutos
Cozimento: 15 minutos

Ingredientes:
130510_1

  • 500 g de Filé de Porco
  • Pimenta do reino e sal para temperar
  • dois dentes de alho amassados (caso queira pode usar alho em pó)
  • 2 ovos
  • 200g de Farinha de rosca (guarde um pouco mais se precisar)
  • 200g de Farinha de trigo (guarde um pouco mais se precisar)
  • Óleo para fritar

Preparo:

  1. Bata os ovos com um garfo e tempere-os com sal e pimenta do reino a gosto. Reserve.
  2. Coloque metade da quantidade das farinhas (de rosca e  trigo) separadas em pratos grandes. O restante  será utilizado caso precise de mais para empanar os filés.
  3. Bata os filés com um batedor de carnes até eles ficarem fininhos. Cuidado parar não despedaçar a carne. Tempere os dois lados com sal, pimenta e alho e separe. Você também pode temperar com um pouco de ervas picadas como salsinha e cebolinha.
    02
  4. Para a primeira camada da empanada, passe os filés na farinha de trigo. Certifique-se que a farinha tenha coberto o todo filé.
    DICA: O excesso de farinha pode ser tirado com leves batidinhas na carne.
    130510_3
  5. Passe então os filés nos ovos, com cuidado. Fique atento para que o ovo envolva toda a carne.
    130510_4
  6. A útima camada é a de farinha de rosca. Empane cada filé e separe. Aqui vale a dica da “batidinha” da carne para a farinha de rosca ficar mais compacta, assim não faz tanto farelo no óleo – que acaba queimando – e deste modo os filés ficam completamente empanados.
    130510_5
  7. Na frigideira, coloque mais ou menos 1,0 -1,5 cm de óleo para esquentar. Eu sempre coloco depois de uns 2 minutos um pedacinho de carne empanada para testar se o óleo está quente o bastante para a fritura. Se o óleo demorar a ferver, quer dizer que ele ainda está frio e os filés ficarão muito oleosos. Um por um, frite os filés até ficarem dourados em ambos os lados. Deixe os filés secando em um prato com folhas de papel toalha para absorver o óleo em excesso.
    130510_7

Por fim, sirva essa delícia ainda quente com os acompanhamentos sugeridos.
130510_8

Guten Apetit! (Bom apetite!)

Anúncios

15 comentários Adicione o seu

  1. João Barbosa Pereira disse:

    Fizemos pela primeira vez e ficou tão gostosa, tão deliciosa, que anotei para repetir sempre.
    Muito obrigado para quem a publicou.

    1. Felipe disse:

      Que bom que gostou, João! Ficamos muito felizes de saber que deu certo!

  2. Vocês são malucos! Eu li a receita, ensaiei mentalmente como se estivesse fazendo tudo de verdade pra não esquecer e… fiquei com uma fome desgraçada! Vou ter que fazer duas ou três versões deste bife assim que puder. Vou fazer de porco, de boi, de bacon, de bacalhau e talvez de galinha (porque não gosto de peru). Muito obrigado pelas dicas!

    1. Felipe disse:

      Muito obrigado pelo divertido comentário, Eduardo!
      Caso for fazer o de peixe, passe os filés em um papel toalha para ficar bem seco e não ter problema na hora de fritar.

      Espero que goste da receita. Se der, passe aqui de novo para nos contar como ficou.

      Um abraço!

  3. S. Sena disse:

    Esse prato alemão é sensacional! Eu provei na Alemanha a versão “Italienisch Schnitzel” que leva alguns toques italianos, lógico! Nessa versão, acrescenta-se queijo mussarela, tomate e manjericão (todos pré-assados)! Fica bom demais!

    1. Felipe disse:

      Olá Sabrina,

      se você gostou do Schnitzel italiano, provavelmente vai gostar da nossa versão de bife a parmegiana. Vale a pena dar uma olhada!

      Um abraço,
      Felipe

  4. Anônimo disse:

    Maravilhoso esse prato, eu provei ele na Alemanha, e adorei encontrar essa receita. Vou tentar fazer em casa….. Obrigado.

  5. Jaqueline disse:

    Excelente receita e as imagens do passo a passo são muito boas!!! Vejam também esta opção e digam de vossa justiça: http://www.tudoreceitas.com/receita-de-lombo-de-porco-empanado-2500.html

    1. ReNata disse:

      Olá Jaqueline,

      obrigada pelo comentário! Fico feliz em saber que gostou da receita e das fotos.
      Olhei o link que você enviou e as fotos parece muito com as nossas… tanto que uma delas foi copiada e colada na receita (foto da carne empanada na farinha de rosca).

      Você fez a nossa receita?

      Renata

  6. Keila disse:

    Olá. Quando fala em ‘filé de porco”, qual efetivamente o corte a que se refere? Seria o pernil,o lombo, a bisteca… não sei identificar.

    1. Felipe disse:

      Olá Keila,

      qualquer corte em formato de bife serve!

      Abs,
      Felie

  7. Livia disse:

    O wiener schnitzel autêntico é feito com carne de cordeiro e é frito na manteiga!!!

    1. Felipe disse:

      Olá Livia,

      o primeiro registro oficial da receita de Wiener Schnitzel na história vem de 1831, do livro der receitas de Maria Anna Neudecker chamado “Allerneuestem allgemeinen Kochbuch”. Lá, o prato era chamdo de „Wiener Schnitzel von Kalbfleisch“, que em português significa Wiener Schnitzel de vitela.

      Se antes disso o Wiener Schnitzel era feito com cordeiro eu já nao sei. Mas o importante é que o prato é gostoso!

      Abs,
      Felipe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s